“Plantando Batata com Ciência” teve seu encerramento na última semana em Cordeirópolis

 Projeto teve iniciativa da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação

 O projeto que proporcionou novas experiências aos alunos do 4° ano da Escola Nazareth chegou ao fim na última semana. “Plantando Batata com Ciência” teve a finalidade de ensinar os alunos e professores sobre uma pesquisa cientifica mais aprofundada, além de ter feito parte da rotina das crianças durante três meses, quando elas analisaram cientificamente as plantas que ficaram na estufa, localizada na área verde da escola.

 Para participar do encerramento, a secretária de Educação, Angelita Ortolan, foi conferir de perto o que as crianças desenvolveram e aprenderam durante este período. “Percebemos o quão os nossos pequenos gostaram desta iniciativa, notamos isso através dos olhos e sorrisos. Em um futuro próximo, com certeza teremos novos cientistas cordeiropolenses em nosso país”, disse a titular da pasta.

 A idealizadora do projeto, Silvana Alves Melo, lembrou que este projeto teve um papel fundamental para a cidade e, principalmente aos alunos, pois ajudou no desenvolvimento da consciência ambiental. “Durante as aulas, eles observaram o crescimento da planta, a diferenciação e o número das folhas, os seus sintomas com vírus e sem vírus e o peso da produção das batatinhas quando o seu ciclo foi finalizado. Sendo assim, foi um aprendizado diferenciado e único no período escolar, além de ter sido uma novidade no cotidiano desses jovens”, destacou Silvana.

 O projeto teve iniciativa da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação e com o apoio e a coordenação técnica do engenheiro agrônomo, José Caram de Souza Dias e da supervisão e patrocínio do engenheiro agrônomo da Microbiol Biotenologia, Dr. Paulo D’Andreia, além da Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola (FUNDAG). (Da redação Portal Notícia de Limeira)

Comments

comments