Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 16 de abril de 2019

Compartilhe

 O grupo é comandado pelo vereador Toninho Franco

 O prefeito Mario Botion voltou a defender a inclusão de Limeira no trajeto do trem intercidades. O posicionamento de Botion ocorreu durante a segunda edição do seminário relacionado ao tema, na noite da sexta-feira (12). O evento, que ocorreu na Câmara Municipal, foi realizado pela Frente Parlamentar de Defesa da Inclusão de Limeira no Projeto do Trem Intercidades. O grupo é comandado pelo vereador Toninho Franco.

 Durante o seminário, foi divulgada informação de que audiência pública sobre o projeto será realizada em agosto, em São Paulo, enquanto que o processo licitatório será aberto em dezembro. As informações foram repassadas pelo presidente da Associação Brasileira das Indústrias Ferroviárias, Vicente Abate, um dos palestrantes da noite.

 Botion e a Frente Parlamentar vem pleiteando a extenção do trajeto até Limeira já na primeira fase de implantação do sistema – previsto até então para o trecho de São Paulo a Americana. Informações de uma dissertação de mestrado levadas ao seminário justificam o pleito de Limeira, a começar pelo número de pessoas que seriam beneficiadas – uma população estimada em 1,4 milhão de habitantes de Limeira e inúmeros municípios da região.

 Diretor da Estação da Luz Participações, Roberto Meira, apoia a extensão do projeto até Limeira. Ele lembrou da questão logística da cidade, principalmente por estar localizada num eixo rodoviário bastante significativo. A Estação da Luz foi responsável pelo projeto.

 As informações sobre a dissertação de mestrado acerca do tema foram levadas ao seminário pelo professor doutor Paulo Sérgio de Arruda Ignácio, orientador do trabalho realizado por Gláucia Jardim Pissinelli. O estudo sustenta, por vários aspectos, a importância de Limeira ser inserida no projeto a partir da implantação de um terminal intermodal na cidade. Critérios aplicados na pesquisa colocam Limeira como município ideal para sediar o terminal – como a localização geográfica e por estar situada entre duas grandes rodovias brasileiras, a Anhanguera e a Bandeirantes.

 Representante da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional do Estado, Ronaldo Daher, afirmou que levará ao governador João Dória a demanda defendida pela Frente Parlamentar, pelo prefeito Mario Botion, e pelo deputado federal Miguel Lombardi.

 “A extensão do projeto a Limeira é bastante viável”, disse Toninho Franco. “Todos aqui defendem a necessidade da vinda do trem de passageiros até nossa cidade”, ratificou o prefeito Mario Botion.

 Além de Toninho Franco, estavam presentes no seminário os vereadores Wagner Barbosa, Lu Bogo, Zé da Mix e Estevão Nogueira, e ainda empresários, alunos da Unicamp e políticos de cidades da região. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários