Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 21 de agosto de 2018

Compartilhe

 Além dos doadores o prefeito, Adinan Ortolan, compareceu para agradecer os munícipes

 O Centro de Especialidades Médicas de Cordeirópolis ficou pequeno para os doadores de Cordeirópolis. Mais de 100 pessoas reservaram 30 minutos do seu sábado (18) e foram participar da Campanha de Doação de Sangue, realizada pelo Rotary Club, com o apoio da Secretaria de Saúde, em parceria com o Hemonúcleo de Piracicaba. Além dos doadores o prefeito, Adinan Ortolan, compareceu para agradecer os munícipes que se dispuseram a realizar este ato de generosidade. A campanha que ocorre várias vezes no ano tem o objetivo de atender os pacientes que passaram por cirurgias, que sofreram acidentes ou queimaduras e por esses e outros motivos necessitam da doação.

 A secretária de Saúde, Jordana Cassetário, lembrou mais uma vez a importância do cidadão em aderir esta campanha para sua vida. “O morador que pratica esse ato pode salvar até quatro vidas, ou seja, o tempo que ele reservou para comparecer no Centro de Especialidades ajudará quatro pessoas. A doação de sangue dura em média de 5 a 7 minutos, no entanto, orientamos os doadores a ficarem no local por mais tempo, sob o acompanhamento dos profissionais para evitarmos reações adversas em função da doação, por isso após a coleta os doadores também recebem um lanche”, contou a secretária.

 Quem é responsável por acompanhar os doadores no momento da coleta de sangue e a coordenadora do Centro de Especialidades Médicas, Renata Coletta. Segundo ela, mais uma vez a população fez o dever de casa. “A cada campanha o cidadão nos surpreende. Acredito que esta ação já entrou no calendário da nossa cidade e toda vez que realizamos o número de pessoas que doam só aumenta. Isso mostra que ainda existem pessoas que pensam no bem-estar do seu semelhante”.

 Com vontade de participar, a estudante Larissa Rodrigues, de 23 anos, comentou que já havia algum tempo que estava criando coragem para fazer a doação. “Sou de uma família que sempre esta disposta a ajudar o próximo. No entanto, tinha vários medos, mas resolvi superá-los e estou aqui agora muito feliz em saber que vou ajudar uma pessoa que esteja precisando mais do que eu. Por isso, deixe o seu medo de lado e participe desta importante mobilização que a nossa cidade promove durante o ano”, lembrou a cordeiropolense.

 O sangue coletado será destinado ao Hemonúcleo de Piracicaba e se necessário, poderá ser utilizado por qualquer morador de Cordeirópolis por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). (Da redação Portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários