Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 5 de setembro de 2018

Compartilhe

 O último resultado realizado em 2015, o município obteve a nota 6,3

 A mudança na orientação pedagógica implantada pela Secretaria de Educação desde o início da atual administração passou com louvor no teste de avaliação da Prova Brasil, que é aplicada a cada dois anos pelo Ministério da Educação (MEC) como parâmetro para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). O último resultado realizado em 2015, o município obteve a nota 6,3 e após um ano de preparação junto aos coordenadores e professores dos alunos dos quintos anos das seis escolas do município, a Educação de Cordeirópolis elevou mais uma vez o seu conceito, com uma estimativa a ser alcançada em 2021, já foi superada com nota 6,7 na última avaliação aplicada em 2017.

 Contente com o resultado, a secretária de Educação, Angelita Ortolan, explica que desde o início do ano letivo de 2017, os coordenadores de todas as escolas do Ensino Fundamental receberam várias instruções para que o município pudesse oferecer cada vez mais um ensino de qualidade e consequentemente aumentar a nota do Ideb. “Para que isso viesse a acontecer, a Secretaria forneceu uma série de materiais aos professores da rede pública, para que pudessem instruir seus alunos até as vésperas da prova, realizamos simulados, aulas de reforço, ou seja, todos os educadores se dedicaram durante o ano todo em prol da formação desses alunos. Em vista disso, saber que nossa média vem aumentando ao longo dos anos, isso representa a iniciativa pioneira de reunir em um só lugar dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação, que são o fluxo escolar e médias de desempenho nas avaliações”, disse.

 Novidades para 2019

 A coordenadora do Ensino Fundamental, Eliane Botteon comenta que ainda este ano, haverá uma avaliação para os alunos dos quartos anos, ou seja, os estudantes que irão participar da Prova Brasil em 2019. “Este treinamento tem como objetivo orientar os professores das áreas de Língua Portuguesa e Matemática, com metodologias para superar as dificuldades apresentadas pelos alunos durante o ano letivo e propiciar espaço para socialização de ideias. A partir do resultado apurado será possível realizar um diagnóstico, criar indicadores de aprendizagem e dar suporte aos professores nesse processo, sustentando nosso maior objetivo, que é elevar a qualidade de ensino em Cordeirópolis”, informou Eliane que ainda ressaltou. “Para o ano de 2019 já está previsto um investimento maior na aquisição de materiais extracurriculares para as séries que realizarão as avaliações externas, sendo 2° ano e 5° ano”.

Confira os índices dos últimos anos:
2005: nota 4,7 2013: nota 6,2
2007: nota 5,4 2015: nota 6,3
2009: nota 5,9 2017: nota 6,7
2011: nota: 5,7 (Da redação Portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *