Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 10 de outubro de 2018

Compartilhe

 Evento foi realizado na sede da entidade na Vila Jacon

 O Centro de Aprendizado Metódico e Prático de Limeira (CAMPL Patrulheiro) comemorou 50 anos de existência em cerimônia realizada nessa quarta-feira, 10 de outubro, na sede da entidade na Vila Jacon. A solenidade contou com a presença dos adolescentes que integram a instituição, de diretores da entidade e de ex-patrulheiros, além do presidente da Câmara, José Roberto Bernardo (PSD), Zé da Mix, e do vereador Waguinho da Santa Luzia (PPS).

 A celebração foi conduzida pela presidente do Centro de Aprendizado, Telma Calsavara, que destacou o papel filantrópico da entidade e a importância da juventude no contexto atual da sociedade. “Nenhuma outra faixa da população talvez tenha sido objeto de tanta mudança na legislação”, disse.

 A cerimônia teve a exibição da Banda Marcial do CAMPL Patrulheiro, que emocionou o público ao interpretar obras da Música Popular Brasileira (MPB), e da apresentação da adolescente Jennifer Dutra Simião, com voz e violão.

 O CAMPL Patrulheiro existe desde 1968, quando um grupo de empresários que fazia parte da Associação Comercial e Industrial de Limeira (ACIL), junto com a assistente social Evangelina Mauro, criou o Centro Cívico do Patrulheiro Mirim. Mais tarde a instituição se transformou em uma organização não governamental (ONG) sem fins lucrativos, que atualmente sobrevive de doações de toda sociedade.

 O órgão tem o objetivo de promover o desenvolvimento global de adolescentes e suas famílias, em situação de vulnerabilidade socioeconômica, risco social e pessoal, por meio da educação, recreação e saúde, contribuindo para sua proteção e socialização.

 A entidade desenvolve projetos de inserção no mercado de trabalho, como o Jovem Aprendiz e o Estágio Social, além dos projetos Musicando, que oferece programa de ação cultural para adolescentes, e Criando Laços, que aproxima as famílias da vivência com o patrulheiro. (Da redação Portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários