Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 22 de março de 2019

Compartilhe

 Colegiado quer ajudar Executivo a criar ferramenta de transparência

 A Comissão de Assuntos Relevantes que trata da transparência dos serviços de saúde no município de Limeira se reuniu nessa quinta-feira, 21 de março, e debateu a viabilidade e a estrutura mínima necessária para implantação de sistema eletrônico de agendamento de consultas e procedimentos médicos na rede do Sistema Único de Saúde (SUS). Foi a primeira reunião do colegiado.

 A Comissão decidiu enviar um ofício à Prefeitura, solicitando informações sobre a criação do sistema eletrônico das listas de espera do SUS, conforme prevê a Lei Municipal nº 5.976/2018. Os vereadores querem auxiliar o Executivo na implantação do aplicativo.

 De autoria do vereador Marco Xavier (PSB), presidente da Comissão de Assuntos Relevantes, a lei já foi aprovada, sancionada e promulgada. No entanto, segundo o vereador, ainda não foi regulamentada para a devida execução. “Se a gente conseguir que nessa gestão se implemente um sistema adequado, já será um grande avanço”, resumiu o presidente da Comissão a respeito dos trabalhos do colegiado.

 A Comissão de Assuntos Relevantes para intermédio de relações institucionais, acompanhamento, incentivo, viabilização e outras medidas correlatas do direito aos usuários da rede do Sistema Único de Saúde (SUS) de Limeira à informação e a transparência das listas de espera dos serviços públicos de saúde (clínica médica e por especialidades), exames, cirurgias, entre outros procedimentos, médicos e odontológicos foi criada pela Resolução Nº 753/2019 e é formada pelos vereadores: Marco Xavier (PSB), presidente, Erika Tank (PR), Dra. Mayra Costa (PPS), Dr. Rafael Camargo (MDB) e Waguinho da Santa Luzia (PPS). (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários