Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 26 de março de 2019

Compartilhe

 O jovem conta com experiência


No próximo dia 14, Limeira vive uma nova experiência com a 29ª edição da Via-Sacra. Pela primeira vez em sua história, a apresentação passa a ser musical e reúne atores e cantores em três noites de espetáculo. Restando três semanas para a estreia, os ensaios seguem intensos. Neste ano, o papel de Jesus fica a cargo de Diego Lago, que participa da Via-Sacra pela primeira vez. O jovem conta com experiência em musicais e, atualmente, atua junto ao coro da Orquestra Sinfônica de Limeira (Osli).

Lago iniciou o contato com a música em 2006, com o estudo de flauta doce na Escola Municipal de Cultura e Artes “Maestro Mário Tintori” (Emcea). Posteriormente passou para flauta transversal na Escola Livre de Música (ELM), arranjo e coral. O artista comentou que se sente a vontade com a roupagem do espetáculo. “Estou achando bem legal a experiência. Gosto bastante de musical, sempre foi minha área”, disse.

Lago acrescentou ainda que a Via-Sacra vai além da mensagem, cria uma possibilidade de descoberta para novos artistas. De acordo com ele, participar do espetáculo “como profissional é muito bacana. É um jeito de divulgar nosso próprio trabalho”.

Ele faz sua primeira participação na Via-Sacra já com a responsabilidade de interpretar Jesus. “É muita responsabilidade. Não é só uma personagem principal, é Jesus!”. Sobre a realização do evento na cidade, o artista pontuou sua importância para os munícipes. “Para a cidade é um evento cultural muito importante, que envolve teatro, música e cidadãos limeirenses que não trabalham com isto, mas querem ficar inteirados nessa arte”, concluiu.

O secretário de Cultura, José Farid Zaine, que é criador da Via-Sacra e, em 2019, responde pela direção geral do espetáculo, revelou que os cantos devem emocionar ainda mais a plateia que já é apaixonada por essa apresentação há tantos anos. “O trabalho está bastante árduo, desde janeiro estamos ensaiando todos os domingos e acertando todos os detalhes, inclusive de estrutura e produção. No entanto, conforme os dias vão passando, os ensaios ficam ainda mais caprichados”, analisou.

A Via-Sacra estreia no dia 14 de abril, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, no Parque Nossa Senhora das Dores e atende à medida de descentralização cultural, um dos nortes da atual administração municipal. Já nos dias 18 e 19 de abril, a encenação chega à Gruta da Paz, na Praça Toledo Barros, no Centro. Todas as apresentações ocorrem às 20h. “Assim como foi em 2017, quando levamos a Via-Sacra para o bairro dos Frades, e 2018, quando a mesma estreou na Cecap, repetimos a ação neste ano, levando mais cultura, de alta qualidade, agora ao Parque Nossa Senhora das Dores. Nossa equipe não tem medido esforços para dotar o município de uma política cultural à sua altura e, mesmo com as limitações que o país enfrenta de uma forma em geral, temos conseguido”, comentou o Prefeito Mario Botion. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários