Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 29 de março de 2019

Compartilhe

 

 O encontro contou também com a presença da primeira-dama

 A Prefeitura de Cordeirópolis promoveu nesta última quarta-feira (27) um encontro com as lideranças da comunidade evangélica do município. Desta vez o prefeito, Adinan Ortolan, se reuniu com os pastores e representantes para apresentar o projeto “Vivendo e Aprendendo”, que tem como objetivo inserir jovens e adultos no âmbito escolar por meio da alfabetização. O encontro contou também com a presença da primeira-dama, Angelita Ortolan, o secretário de Governo, Nivaldo Menezes, do secretário de Serviços Públicos, Luiz Silva, a coordenadora do projeto, Marta Lino,e representando o Poder Legislativo o vereador José Rodrigues, além dos pastores das 32 Igrejas Evangélicas de Cordeirópolis.

 Para o prefeito, Adinan Ortolan, o encontro foi pensado especialmente para tratar com os pastores e líderes das igrejas sobre como as instituições podem colaborar neste projeto educacional e como o ensinamento levará formação nas comunidades. “Nossa proposta é levar a oportunidade de alfabetização para mais próximo da população e a colaboração de todas as pessoas é primordial, pois o envolvimento de toda a comunidade religiosa irá aproximar os cidadãos neste projeto para jovens e adultos”, relatou.

 A primeira-dama, Angelita Ortolan, ressaltou a importância das igrejas no trabalho de mobilização das comunidades. “O trabalho em equipe neste momento é de extrema importância, já que o auxílio das instituições religiosas vem para que a alfabetização chegue e dê oportunidades a todos os cidadãos. Feito isso, todos eles darão esse passo em suas vidas”, comentou Angelita.

 De acordo com a coordenadora do projeto, Marta Aleixo dos Santos Lino, a reunião teve uma aceitação muito positiva pelos participantes que aderiram a ideia de ceder o espaço das igrejas para que as aulas aconteçam. “Com a colaboração dos pastores, nossa proposta é transformar os salões das igrejas em salas de aula. Cada local receberá o auxílio da Prefeitura, com o monitoramento da diretora pedagógica, Silvana Melo, que envolve a compra de materiais de estudo, alimentação e transporte para os alunos. Feito isso, os alfabetizadores receberão capacitações até o início das aulas, que deverão começar ainda neste semestre”, informou a coordenadora. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários