Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 9 de abril de 2019

Compartilhe

 O local também será um centro de informações turísticas e promocionais

 O prefeito Mario Botion assinou na tarde desta segunda-feira (8) o decreto que permite à Associação Limeirense de Joias – ALJ e ao Sindicato da Indústria de Joalheria, Bijuteria e Lapidação de Gemas do Estado de São Paulo – Sindijoias, a utilização de imóvel de propriedade do município, localizado na Av. Marechal Arthur da Costa e Silva, nº 1.450. Com a permissão, a ALJ e o Sindijoias poderão realizar ações de atendimento ao público, comerciantes e trabalhadores da região. O local também será um centro de informações turísticas e promocionais do setor de joias folheadas e bijuterias.

No ato da assinatura estavam presentes o secretário de Desenvolvimento, Turismo e Inovação, Tito Almirall, além do presidente da diretoria da ALJ, Fulvio Estevam Malaman Drago e o secretário, Antonio Carlos Paroli Filho. Eles apresentaram ao chefe do Executivo uma maquete da nova sede, que será instalada em uma área que possui 601,29 metros quadrados.”É um marco. Há muito tempo esperávamos por este momento e agora vamos ter nossa sede no início da Costa e Silva, que é a nossa vitrine, onde atenderemos o turista de negócios, clientes, profissionais do setor. Será uma base com âncoras (ALJ e Sindijoias), que representam o setor”, afirmou Drago. “O prefeito Mario Botion, juntamente com o secretário Tito destravaram este processo que estava parado há muitos anos e por isso somos muito gratos”, concluiu o presidente.

A permissão de uso é por prazo indeterminado, a título gratuito, sem qualquer indenização, podendo ser revogada ou modificada a qualquer tempo, de forma unilateral. Botion explicou que esta é mais uma ação prevista no Programa Permanente de Desenvolvimento. “Está em nosso plano de governo, facilitar as atividades produtivas do município. Não medimos esforços para dar prosseguimento na documentação necessária”, declarou. “É nossa obrigação enquanto poder Executivo, facilitar, fomentar e promover a ampliação da geração de emprego e renda, além de proporcionar a prosperidade de nossos cidadãos, esse é nosso desafio enquanto gestor público”, completou  o prefeito.

O Decreto nº 114, com a permissão de uso foi publicado no Jornal Oficial do Município desta terça-feira (9). (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários