Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 15 de abril de 2019

Compartilhe

  Limeira tem confirmados 142 casos da doença

 Os sindicatos dos trabalhadores e patronais se unem nesta quarta-feira, dia 17, em uma mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypti – o transmissor da dengue. Trata-se de mais uma ação em parceria com entidades do município. O “Dia D” vai servir para orientar sobre os riscos oferecidos pelo mosquito e também checar os espaços de trabalho. Limeira tem confirmados 142 casos da doença.

 A ação vai reunir os trabalhadores, empresas e sindicatos. No ano passado, eles também se juntaram ao Poder Público em iniciativas de combate à dengue. “Existe essa necessidade de interagirmos com todos os públicos. A dengue está avançando em todo o Estado de São Paulo, e estamos intensificando os trabalhos para que toda a cidade seja informada e adote medidas de combate aos criadouros”, comenta o prefeito, Mario Botion. Além dos mutirões, as casas são visitadas pelos agentes de saúde, que fazem ao longo do ano ações de combate aos criadouros. E qualquer cidadão pode contribuir. Basta reservar dez minutos, uma vez por semana, para checar o quintal e dependências do imóvel que possam acumular água.

 A principal tarefa dos sindicatos é orientar seus colaboradores sobre as formas de eliminar e combater os criadouros do mosquito, e checar permanentemente seus locais de trabalho. “A orientação é essencial. E todos nós devemos fazer a nossa parte. Cabe ao Poder Público e à sociedade adotar medidas para eliminação dos focos. É uma questão de saúde pública”, cita o chefe do Executivo. Foi criado um material publicitário para a mobilização. As entidades sindicais se encarregarão de distribuí-lo. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários