Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 18 de junho de 2020

Compartilhe

 A iniciativa é da Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura, com o apoio da Secretaria de Comunicação Social

 Estão abertas, a partir de segunda-feira (22), as inscrições para a apresentação virtual “Crescer pra passarinho: uma experiência de cuidado online”, coordenada por Zé Caetano (Anderson Caetano), que acontece no dia 17 de julho, às 19h, via plataforma digital (Zoom) e conta com 20 vagas disponíveis. A ação é uma das que foram contempladas dentro do projeto “Mundo Solidário – distantes, mas unidos!”, com apresentações virtuais nas áreas de música, dança, artes cênicas, artes visuais e literatura para este período de enfrentamento à Covid-19. A iniciativa é da Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Cultura, com o apoio da Secretaria de Comunicação Social.

 “Crescer pra passarinho: uma experiência de cuidado online” trata-se de um espetáculo online participativo, preferencialmente destinado aos profissionais de saúde, mas no caso do “Mundo Solidário”, é aberto a todos os interessados. O espectador é convidado a experimentar recursos poéticos capazes de facilitar a sua vida e amenizar suas dificuldades em tempos de quarentena. Desde a poesia, a yoga do riso, a dança, a música, o teatro de formas animadas, até o desenho de uma flor: os  artistas que fazem parte da apresentação guiam o espectador a um voo poético.

 As inscrições acontecem a partir de segunda, de duas formas: por telefone, 3441-5493, das 13h às 17h, sendo de segunda a sexta, ou via e-mail, mundosolidario.limeira@gmail.com, indicando no assunto “Inscrição – Crescer pra Passarinho”. As vagas se encerram conforme seu preenchimento, por ordem de telefonemas ou e-mails. É preciso que os interessados informem os seguintes dados: nome completo, WhatsApp, e-mail e data de nascimento. E-mails e telefonemas que ocorrerem após o preenchimento das vagas, serão inseridos em uma lista de espera.

 SOBRE O ARTISTA

 O espetáculo é conduzido pelo limeirense Zé Caetano, estudante de Atuação Cênica na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Desde 2019, participa do grupo de pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) “Práticas Performativas”, orientado pela artista-pesquisadora Tania Alice. Junto ao grupo, integra a Plataforma Performers sem Fronteiras: plataforma que reúne performers de diversas nacionalidades que realizam projetos artísticos, culturais e terapêuticos com e para vítimas de traumas de choque e/ou desenvolvimento. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários