Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 21 de junho de 2020

Compartilhe

 Os casos suspeitos de óbitos não alteraram – continuam seis

 A Secretaria de Saúde de Limeira divulgou, neste domingo (21), um novo balanço dos casos de coronavírus na cidade. De ontem para hoje, foram confirmados mais 24 casos e duas mortes. Lembrando que no sábado eram 838 registros da doença e 38 óbitos. As mortes são de uma mulher de 57 anos com quadro de obesidade, diabetes e hipertensão; e um homem de 61 que também era diabético e hipertenso. Os casos suspeitos de óbitos não alteraram – continuam seis. O resultado dos exames é aguardado para os próximos dias, de acordo com a pasta.

 Em relação aos casos confirmados – eles somam 862. A maior incidência ainda é entre as mulheres – 58,5%. Os homens são 41,5% das confirmações. Dentro deste quadro, os profissionais da saúde são 20,6% – com 178 registros de covid-19.  As pessoas na faixa etária de 21 e 60 anos de idade representam 75,1% dos casos positivos. A boa notícia é a taxa de recuperação entre os que foram confirmados com coronavírus. Em Limeira, o percentual é de 92,2%. Atualmente, 795 pacientes estão recuperados. Outros 23 de Limeira e dois de cidades da região seguem em recuperação. No entanto, estão internados. Em recuperação, porém, não hospitalizados são quatro pacientes. Agora, os casos descartados somam 1250; e em investigação são 1365. Já óbitos são 40 – taxa de letalidade de 4, 6% no município.

 A ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da URC (Unidade de Referência ao Coronavírus), que funciona no Hospital Humanitária, continua em 81,8%. No entanto, houve um aumento em relação às vagas clínicas. Neste domingo, elas atingem 93,9% – ou seja, dos 33 disponibilizados, 31 deles estão ocupados. No geral, os leitos oferecidos na URC somam 89,1% de ocupação.

 Vale lembrar que todas as informações sobre a doença podem ser acompanhadas no endereço eletrônico www.limeira.sp.gov.br/coronavirus. A atualização é feita diariamente pela Prefeitura de Limeira, e traz a situação real do município. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários