Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 26 de junho de 2020

Compartilhe

 Somente em 2020, foram coletadas 400 toneladas de materiais recicláveis

 A pandemia do coronavírus avança no Brasil e, em Limeira, não é diferente. Mas se é possível dizer que há algo “bom” nesse momento é que a população de Limeira tem realizado a separação correta de materiais recicláveis. Essa é a avaliação da Secretaria de Obras e Serviços Públicos, que identificou, desde janeiro deste ano, um aumento de 50% de materiais coletados, em relação ao mesmo período de 2019. Somente em 2020, foram coletadas 400 toneladas de materiais recicláveis.

 “Isso nos faz acreditar que as pessoas, que acabam ficando mais tempo em casa, têm feito a separação de forma mais adequada dos resíduos orgânicos dos materiais passíveis de serem reciclados”, analisa o diretor de Serviços Públicos, Gabriel Soares. Para ele, isso representa uma expectativa positiva para o futuro. “Esperamos que essa conscientização seja mantida e até mesmo ampliada pelos limeirenses no período pós-pandemia”, afirma.

 A coleta seletiva é realizada há 15 anos em Limeira e tem um cronograma que percorre várias regiões da cidade, de segunda a sábado, e pode ser consultado no site da secretaria (www.limeira.sp.gov.br/obras). O trabalho é realizado por uma empresa terceirizada e envolve cinco funcionários, entre motorista e coletores. A prefeitura investe, por mês, cerca de R$ 46 mil neste serviço.

 Os materiais são encaminhados à Cooperativa de Reciclagem de Limeira (Coopereli), onde 15 cooperados fazem a separação adequada. E, neste momento de pandemia, todas as orientações de saúde têm sido seguidas no local, como intensificação do uso de equipamentos de proteção individual e higienização pessoal, resultado de uma parceria com o Ceprosom. Os cuidados se estendem ao serviço de coleta casa a casa.

 BENEFÍCIOS

 Conforme a chefe da Divisão de Resíduos Sólidos da pasta, Isabela Giacon Pitton, os benefícios do serviço começam no meio ambiente, uma vez que a destinação desses materiais ao aterro sanitário é reduzida. Além disso, a coleta permite a reintrodução dos materiais na cadeia produtiva para produção de novos produtos, o que reduz a extração de novos recursos naturais do meio ambiente.

 E, além dos benefícios ambientais, a coleta seletiva também é fonte de renda para os cooperados que fazem a separação. Tudo o que separam e vendem é dividido entre eles.

 SÓ CACARECO

 Por outro lado, a Operação Só Cacareco teve queda de 26% (132 toneladas) na coleta de materiais inservíveis neste ano, em comparação ao mesmo período de 2019. Foram cerca de 373 toneladas de resíduos coletados em 2020. “Essa redução pode significar que as pessoas não estão adquirindo novos mobiliários para suas casas e, por isso, descartando menos inservíveis. Ainda assim, o volume desses materiais é alto”, explica Soares.

 A programação do Só Cacareco é semanal e abrange todo o município. Realizada há mais de 20 anos em Limeira, e com um investimento de cerca de R$ 65 mil por mês, a operação também tem sido feita neste ano com mais cuidados relacionados à saúde, devido à pandemia. Tanto o uso de equipamentos de proteção individual como higienização pessoal foram reforçados pela Prefeitura.

 O caminhão faz a coleta de madeiras, latas, móveis velhos e eletrodomésticos. Já tanques de cimento, entulhos, materiais de construção e podas de árvores e de jardins não podem ser recolhidos pela operação. Nestes casos, a indicação é os ecopontos, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h e aos sábados, das 7h30 às 12h. Eles estão disponíveis em várias regiões de Limeira:

 Geada – Avenida Prefeito Ary Levy Pereira – Bairro Geada

 Também funciona de domingo, das 7h30 às 12h

 Campo Belo – Rua Sebastião Silveira Franco – Jardim Santina Paroli

 Marginal Tatu – Avenida Engenheiro Antônio Eugênio Lucato – Jardim Santa Lúcia

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h

 Nossa Senhora das Dores – Rua Elisa W. Henrique – Pq. Res. Nossa Senhora das Dores

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h

 Lagoa Nova – Avenida Dr. Antônio de Luna – Jardim Lagoa Nova

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h

 Anavec – Rua Professor Otávio Pimenta Reis – Jardim Anavec

 Também funciona de domingo, das 6h30 às 15h

 Barão de Limeira – Travessa da Assembleia de Deus – Jardim Barão de Limeira

 Santa Eulália – Avenida Dr. Antônio Prince de Oliveira – Jardim Santa Eulália

 Santa Adélia – Rua Professor Ari Pereira Souto – Jardim Santa Adélia

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h

 Kelly – Rua João Quadros Júnior – Jardim Kelly

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h

 Belinha Ometto – Rua Virgílio Bassinello – Jardim Belinha Ometto

 Também funciona de domingo, das 7h às 12h (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários