Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 1 de julho de 2020

Compartilhe

 Ainda no primeiro semestre, a pasta contou com palestras e capacitações como forma de ajudar o setor, especialmente nos meses de abril e junho

 A Prefeitura de Limeira, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, Turismo e Inovação, realizou no primeiro semestre de 2020, 2.500 atendimentos para microempresários. Desse total, foram 1.200 entre abril e junho. Ainda no primeiro semestre, a pasta contou com palestras e capacitações como forma de ajudar o setor, especialmente nos meses de abril e junho.

 Jonas Nicodemo, gerente regional do Sebrae-SP, cita que Limeira se destaca nesse tempo de crise, entre as cidades que compõem a regional do Sebrae, graças ao apoio da Prefeitura e parceiros do Sebrae Aqui. “Realizamos, até o momento, 2.500 atendimentos através de mentorias e projetos estruturados. Parcerias como esta fazem com que possamos manter o otimismo quanto à retomada pós-pandemia, já que há uma grande capacidade dos pequenos empreenderes de se adaptarem e reinventarem na crise”, frisa.

 O Banco do Povo também é destaque. Apenas nesse semestre, foram 80 contratos de empréstimos com micro e pequenas empresas, assinados e liberados, sendo 70 entre os meses de abril e junho. O secretário da pasta, Tito Almirall, fala sobre a importância do banco e salienta a importância que o Sebrae tem para os pequenos empreendedores. “As ações do Banco do Povo são muito importantes para auxiliar os pequenos empreendedores neste momento de crise. E o apoio do Sebrae também tem sido bastante relevante. Com iniciativas assim, muitos negócios estão sendo apoiados”, diz.

 Rosa Montezuma, proprietária da Compart-Kids, cliente do Banco do Povo há três anos, destaca o atendimento do Banco do Povo e dos cursos do Sebrae. “Realizei a abertura da minha empresa há três anos e, na ocasião, efetuei o empréstimo e fiquei surpreendida com a rapidez e tranquilidade do processo. Agora com toda a situação que estamos vivendo, da pandemia, recorri aos serviços do Banco do Povo novamente e pelo fato de estar sem atendimento físico, acreditei que ficaria sem comunicação. Mas, pelo contrário, foi muito rápido e com um atendimento muito bom”, cita.

 Ainda segundo ela, foi solicitado que ela passasse por uma capacitação pelo Sebrae. “Fiquei preocupada em ter que fazer um curso nesse momento. Mesmo com a correria fui, novamente, surpreendida – desta vez pelo Sebrae. São cursos que tratam de situações diárias que executamos na prática e que, na correria, você acaba fazendo de forma automática. Com o curso consegui identificar essas ações. Implantei planilhas de gastos e entradas para ter controle. E isso é muito bom para sabermos o que estamos fazendo e o que poderia ser melhor. O curso para mim foi excelente. Recomendo a todos”, finaliza. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários