Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 4 de novembro de 2020

Compartilhe

 A árvore atingida pelo incêndio, segundo o biólogo, tem cerca de 50 a 60 anos e está em extinção na região de Limeira

 Na noite de ontem (3) a Defesa Civil recebeu mais uma denúncia de incêndio em área verde. Desta vez, a ocorrência foi no bairro Cecap e o fogo atingiu uma árvore da espécie Cariniana Lecythidaceae Estrellensis, popularmente conhecida como Jequitibá-branco. A equipe técnica e o biólogo e diretor do departamento de Licenciamento, Fiscalização e Áreas Verdes da Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura, Rogério Mesquita, atenderam a demanda e estão trabalhando para salvar a árvore.

 Mesquita explica que nesses casos é necessário primeiramente estabilizar a situação e conter o fogo. Após isso é realizado o processo de hidratação e adubação da árvore. “Amanhã faremos a adubação e irrigação desse Jequitibá para fortalecimento e depois, com o auxílio de uma vanga, faremos a remoção dos tecidos mortos para concluir a limpeza”, disse.

 A árvore atingida pelo incêndio, segundo o biólogo, tem cerca de 50 a 60 anos e está em extinção na região de Limeira. A espécie tem grande relevância para o município e é considerado um dos maiores exemplares da flora na Mata Atlântica. Rogério Mesquita pontua que o fogo pode comprometer o desenvolvimento das árvores e ressalta que a orientação é para que a população não ateie fogo em áreas verdes. “A arborização urbana traz benefícios para o meio ambiente e, principalmente, para a população. É fundamental que preservemos a biodiversidade da nossa cidade”.

 Em casos de queimadas criminosas, a população pode colaborar denunciando pelo canal 156 da prefeitura ou acionando a Defesa Civil pelo 199. As denúncias são sigilosas e podem incluir fotos ou, se for o caso, número da placa do veículo do infrator. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários