Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 10 de novembro de 2020

Compartilhe

 Serviço vai se estender até 21 de novembro e interdita trecho da Avenida Cônego Manoel Alves no sentido bairro da via

 A BRK Ambiental, concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto de Limeira, inicia nesta semana mais uma etapa da obra para a execução da adutora que será responsável por levar água tratada da Estação de Bombeamento de Água Mercedes para o Centro de Reservação Gino, onde posteriormente ocorre a distribuição para 36 bairros da região sudoeste do município, beneficiando 25 mil moradores da cidade.

 Durante o trabalho, que teve início nesta segunda-feira (09) e deve se estender até o próximo dia 21 de novembro, a avenida Cônego Manoel Alves, no bairro Jardim São Paulo, ficará interditada no trecho próximo ao reservatório de água, após a Avenida Fabrício Vampré. O tráfego de veículos na via será impedido de segunda a sábado, das 8h às 18h30, apenas no sentido bairro. A concessionária orienta que motoristas e pedestres evitem o trecho, quando possível, e solicita atenção redobrada às placas de sinalização instaladas no local.

 A BRK Ambiental informa que a obra não afeta o serviço de abastecimento de água.

 A intervenção faz parte dos investimentos para ampliação do Centro de Reservação Gino, que consiste na revitalização da unidade de bombeamento e na instalação de um novo reservatório metálico com capacidade de 1.500m³. Com isso, a reserva de água na unidade aumentará em 51%, passando para 4.450m³. Por conta do aumento dessa capacidade, a concessionária também realiza a extensão da adutora Mercedes-Gino até o novo reservatório que está sendo instalado para garantir a distribuição de água à população.

 “O objetivo é garantir o abastecimento e suprir a demanda de aumento de consumo da região”, explica Heitor Mendonça, Gerente de Engenharia da BRK Ambiental.

 A concessionária já executou, até o momento, a construção da base do reservatório metálico e a sua estrutura. Além disso, são executadas as intervenções civis e elétricas na unidade para comportar as novas bombas que foram adquiridas.

 Para os próximos meses está prevista a execução das montagens hidromecânicas, ou seja, a construção das redes e equipamentos que farão a interligação entre as estruturas existentes e as novas que estão em construção. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários