Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 28 de dezembro de 2020

Compartilhe

 Ela iria entregar o aparelho ao seu companheiro

 Uma mulher de 32 anos foi presa na manhã deste domingo (27) após tentar entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Limeira com um celular introduzido no ânus. Segundo informações registradas no Boletim de Ocorrência (B.O.), a mulher teria ido visitar seu companheiro no presídio e ao passar pelo detector de metais, foi identificado um objeto no interior de seu corpo.

 Ainda de acordo com o B.O., a mulher teria confessado que estava com um invólucro introduzido em seu ânus. Após utilização de um scanner corporal, foi detectado um aparelho celular dentro do invólucro. Questionada, ela teria dito que o aparelho era para seu amásio. A mulher foi conduzida ao plantão policial de Limeira e ficou à disposição da justiça. Dentro do invólucro continha um micro celular, duas placas de vídeo, dois teclados e um chip de operadora. (Rafael Coelho)


Compartilhe

Comentários

comentários