Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 29 de janeiro de 2021

Compartilhe

 Motorista registrava ocorrências se passando por vítima de roubo

 Um caminhoneiro de 37 anos e um passageiro de 35, foram presos na madrugada da última quinta-feira (28) acusados de furto e associação criminosa, após serem abordados na Rodovia Anhanguera (SP-330), em Americana (SP). Segundo informações da equipe do 1º Pelotão da Polícia Militar Rodoviária (PMR) de Limeira, composta pelos PMs Bossu e Neves, o painel de um caminhão teria sido violado e o sistema de rastreamento do veículo teria acusado divergência na rota programada.

 Os PMs iniciaram um patrulhamento pela rodovia, na intenção de localizar o veículo. Ao chegarem no quilômetro 128, sentido capital, já na cidade de Americana, os policiais conseguiram visualizar o caminhão, que estava ocupado por dois homens, o motorista de 37 anos e o passageiro de 35. Ao verificarem a carga, foi constatado que o veículo estava carregado com baterias automotivas.

 Os PMS identificaram que o motorista possuía seis registros de Boletim de Ocorrência (B.O.), no qual ele se passava por vítima de roubo, sendo que todos os registros eram semelhantes e com o mesmo caminhão. A prática é conhecida nos meios policiais como “chave na mão”, a qual o criminoso vende a carga, abandona o veículo e presta queixa de roubo. O passageiro já era conhecido por diversas passagens criminais. Os dois foram encaminhados ao plantão policial de Americana e permaneceram presos à disposição da justiça. Prestaram apoio à ocorrência os PMs Claudino e Fontanezi. (Rafael Coelho)


Compartilhe

Comentários

comentários