Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 30 de junho de 2021

Compartilhe

 Os dados mostram que entre o grupo de pessoas que mais contraiu o vírus está a faixa etária dos cidadãos de 30 a 39 anos de idade

 Mutirões da vacinação e distanciamento social contribuíram para queda na curva de contaminação em Cordeirópolis, reduzindo a média de 243 casos positivos no início de junho para 75 no final do mês, desde que medidas mais restritivas entraram em vigor para conter o avanço do coronavírus.

 As restrições mais rigorosas adotadas pela Prefeitura de Cordeirópolis para conter o avanço da Covid-19 já surtem efeito. Segundo dados da Vigilância Epidemiológica, juntamente com a Central de Monitoramento, o índice de contágio começou a subir em março, saltando da média semanal de 74 casos positivos na metade do mês para 153 no final. Nos meses seguintes, a curva continuou subindo, e chegou ao seu maior pico na primeira semana de junho, com média de 243 casos positivos.

 Com a implantação do Decreto Municipal, que fortaleceu as medidas de restrição, além da ampla vacinação dos grupos com comorbidades e pessoas entre 45 e 55 anos, a curva de contágio começou a diminuir, chegando à média semanal de 75 casos positivos na última semana de junho.

 O monitoramento feito até o fechamento da tarde desta quarta-feira (30) aponta que o índice dos infectados que transmitem para outras pessoas caiu, segundo dados da Secretaria de Saúde, após o aceleramento da imunização no município, que já ultrapassa as 13 mil doses aplicadas, totalizando 39,26% da população imunizada com a primeira dose da vacina.

 FAIXA ETÁRIA DOS POSITIVOS

 Os dados mostram que entre o grupo de pessoas que mais contraiu o vírus está a faixa etária dos cidadãos de 30 a 39 anos de idade, seguidos das pessoas de 20 a 29 anos, que juntos somam 41% dos positivados neste momento. Entre os níveis mais baixos estão homens e mulheres de 60 a 79 anos.

 DEVER DE CASA

 Um antigo ditado “Juntos podemos mais” se faz muito presente nos dias atuais, ressalta o prefeito Adinan Ortolan. Para ele, todos esses índices estão longe do que pode-se considerar o ideal, mas Ortolan adianta que o trabalho realizado em conjunto, mesmo com números baixos, tem proporcionado bons resultados. “O esforço de toda equipe da Prefeitura, comitê e demais setores públicos, sempre com base em dados científicos e técnicos, são valorizados minuciosamente para que possamos retomar nossas rotinas.

 Infelizmente, com os leitos de UTI lotados em toda a região, temos que estar em constante alerta. E cada morador de Cordeirópolis precisa ser um aliado, evitar sair ao máximo, manter o distanciamento social, usar máscara quando estiver fora de casa e higienizar as mãos com frequência. A nossa parte, como poder público, está sendo feita”, reforçou o prefeito. (Da redação portal Notícia de Limeira)


Compartilhe

Comentários

comentários