Por: Redação Notícia de Limeira | Publicado em 7 de dezembro de 2021

Compartilhe

 Evento promovido por parlamentar reuniu lideranças e instituições voltadas para sustentabilidade e empreendedoras femininas

 Evento na Alesp reuniu mulheres no Fórum Nacional Lideranças Femininas nesta segunda-feira (06), para debater a atuação feminina no setor do empreendedorismo.

 O evento recebeu o apoio da deputada Dra Damaris Moura (PSDB) e foi elaborado pela Organização Brasileira das Mulheres Empresárias (OBME), que é uma instituição da Femmes Chefs D?entreprises Mondiales (FCEM), uma associação de mulheres empreendedora no mundo, criada na França, no final da Segunda Guerra Mundial, em 1945.

 De acordo com dados da Global Entrepreneurship Monitor, atualmente no Brasil existem cerca de 30 milhões de mulheres atuando como empreendedoras, o que representa 48,7% do mercado no ramo.

 A dirigente do encontro, a deputada Dra Damaris Moura explicou o motivo que levou a parceria com a instituição. “As pautas deste evento são coincidentes com as do nosso mandato que dá ênfase ao fortalecimento do empreendedorismo feminino como uma porta de saída para mulheres vítimas de violência. Eu vejo com muita satisfação este evento na Assembleia”, disse.

 Já a presidente da OBME, Lilian Schiavo, celebrou a cooperação com a Assembleia Legislativa para ampliar o alcance do debate em todo Estado.

 “Para nós é uma honra ter essa Casa como porta-voz de todas nós mulheres, empresárias e empreendedoras. Nós consideramos que 2022 será um ano voltado para a economia verde, pois muitas profissões vão ser criadas e, para as mulheres, oportunidades maravilhosas vão surgir para que elas ocupem mais espaços, tanto na política quanto em cargos de liderança”, comentou.

 Durante o encontro, a coordenadora do Comitê de Educação e Sustentabilidade da OBME e presidente do Instituto Supereco, Andrée Rider, comentou sobre a atuação das organizações na promoção de soluções ecoambientais.

 “A gente desenvolve um trabalho voltado para sustentabilidade e ?ecoempreendedorismo? de mulheres. O principal objetivo da nossa aliança comum é promover um pacto de transformação de vidas”, disse.

 A educação foi citada como peça fundamental para promover o desenvolvimento de novos empreendedores. Para a conselheira da OBME, María Cecilia Parasmo, é importante investir nas crianças desde cedo como prioridade nacional.

 “Todo adulto é um produto da própria infância, portanto é necessário haver uma conscientização da população levando em conta os avanços da neurobiologia e da psicanálise para embasar a importância de investir na primeira infância”, afirmou.

 A reunião foi encerrada com uma fala da deputada Dra Damaris que concluiu que o ensino é fundamental para obter melhorias reais, tanto na área do empreendedorismo como de forma geral. “Encerramos convictos de que só a educação transforma realidades”, afirmou. (Da redação portal Notícia de Limeira)

 Imagem: divulgação/Alesp


Compartilhe

Comentários

comentários